Cabo Raimundo, um PM reformado e cheio de vida

Tempo de leitura: 2 minutos

Recentemente, recebi um convite para participar da festa do 92º aniversário do Cabo Raimundo, um policial militar reformado da gloriosa PMMG.

Como adoro conversar com militares reformados, ou melhor, ouvir as histórias destes “bravos guerreiros da gloriosa”, o convite para a festa do cabo Raimundo tornou-se irrecusável.

Cabo Raimundo - PM reformado

O senhor José Raimundo ingressou na Polícia Militar no BG, como é mais conhecido o 1º Batalhão, com sede na capital mineira. O número de polícia é 18 mil. Ele é realmente um “militar das antigas”.

Depois de muitos anos de excelentes serviços prestados à sociedade mineira, o Cabo Raimundo passou a dedicar-se exclusivamente à família.

Atualmente, é casado com a senhora Helena, teve 10 filhos, entre eles o sargento Julião do Corpo de Bombeiro Militar e o tenente Walfrido da PM. Quando perguntei quantos netinhos, ele respondeu sorrindo: “é muito neto”.

Na festa, entre um caso e outro, brincamos com o Cabo Raimundo se ele topava dar uma patrulhada e, na hora, seus olhos brilharam. Uma vez militar, sempre militar!

Escrevendo este artigo, recordei-me de uma frase muito simples, mas de uma profundidade tremenda, que ouvi esta semana, durante um curso que fiz no 16º BPM:

Devemos respeitar e valorizar muito os militares reformados, pois é o que seremos no final de nossa carreira!

Capitão Eleutério

Concordo plenamente com ele, pois todos nós vamos combater o bom combate e passar para o quadro da reserva e depois dos reformados. E como queremos ser tratados quando chegar este dia?

Cabo Raimundo - 92 anos

Depois deste dia da festa de aniversário, já fiz uma visitinha na casa dele para o famoso Café com reformado. Fomos muito bem recebidos pelo Cabo Raimundo, a esposa dona Helena e a filha Juliana.

Considero essencial visitar os militares reformados e mostrar que eles sempre serão muito importantes para a corporação e para a sociedade.

Cabo José Raimundo, espero chegar aos 92 anos esbanjando alegria de viver como o senhor! Receba minha continência e agradecimento por seus serviços prestados!

Se você que está lendo este artigo é um policial da ativa, visite um reformado e escute os causos de polícia que ele tem para contar!

Se você é como eu e também considera que os policiais reformados merecem um muito obrigado por dedicar sua vida pela sociedade, compartilhe este artigo em sua rede social!

Deixe aqui seu comentário